Como receber dinheiro do exterior ou enviar dinheiro para o Brasil

Você sabe qual é o procedimento para receber dinheiro do exterior ou enviar dinheiro para o Brasil estando em outro país? Veja o artigo que detalha esta atividade.

» Página Inicial

Atualmente é necessário saber como se envia dinheiro para o Brasil se caso você estiver no exterior e como à pessoa que será beneficiária irá receber esse dinheiro aqui no Brasil.

Em casos de transferência de dinheiro do exterior para o Brasil, é necessário que, antes da pessoa enviar o dinheiro, o beneficiário no Brasil tenha o contato com a casa de câmbio ou banco no qual irá receber, isso agiliza no processo e a pessoa, beneficiário, já leva as documentações necessárias para a operação.

A transferência em dinheiro não irá diretamente para a conta da pessoa que irá receber através da ordem de pagamento. Para que isso aconteça é necessário realizar uma operação de câmbio entre o beneficiário e a agência ou instituição que fornecer o pagamento.

Logo após a operação acima o dinheiro estará disponível para o beneficiário.

Outra forma de enviar e receber o dinheiro enviado do exterior para o Brasil é o vale postal internacional, essa transação é realizada através dos Correios. O valor máximo para transferência é definido pelos Correios, e o limite é de 50 mil dólares, por operação.

Transferência de dinheiro

Há várias maneiras de você receber dinheiro originário de outro país como seguem abaixo:

Ordem de pagamento

O dinheiro pode ser enviado em Reais ou em moeda estrangera, mas quem recebe no Brasil, pegará o dinheiro em Reais. Quando a ordem de pagamento é feita em moeda estrangeira antes de o beneficiário receber, é necessário que se realize uma operação de câmbio.

Caso a ordem de pagamento for em reais a pessoa que enviar o dinheiro quem irá realizar a operação de câmbio caso seja necessário. Dessa forma o beneficiário receberá a quantia no Brasil e não precisará negociar operação de câmbio.

Para realizar a transação o remetente deve procurar uma instituição ou banco que realize a transferência do dinheiro para o Brasil.

Para a pessoa que irá enviar o dinheiro é necessário ter as seguintes informações do beneficiário: nome completo, endereço, identidade, banco, agência, número da conta corrente, documento de identidade, endereço residencial e motivo da remessa.

É necessário ter o a identificação da agência bancária ou financeira no Brasil na qual o dinheiro do exterior irá parar no Brasil como: número da agência e o código de identificação do banco, esse código é utilizado em operações de transferências internacionais.

Para vales até 10 mil reais o beneficiário pode receber o dinheiro em espécie, acima desse valor o dinheiro é creditado na conta corrente, cheque ou transferência bancária.

Para realizar o saque do valor de até 10 mil reais, o documento principal é a identidade, caso o valor seja maior a instituição financeira pode pedir documentos adicionais.

Cartão Internacional

A Caixa Econômica e outros bancos brasileiros como o Banco do Brasil aceitam remessas de dinheiro por cartão internacional. O cartão internacional neste caso é o emitido no exterior.

O valor enviado por ele pode ser creditado em reais em conta corrente ou poupança no Brasil, conta esta do próprio remetente e também pode ser creditado na conta de outra pessoa e também ser recebido em dinheiro pelo beneficiário, respeitando o limite em de 10 mil reais.

Correios

Os Correios fazem esse tipo de operação/ serviço de transferência de dinheiro internacionalmente. O envio e o recebimento desses valores são realizados eletronicamente, online.

Para que isso seja possível é necessário que o país no qual esteja tenha convênio com os Correios.

No link abaixo você pode acessar o site dos correios e verificar a lista dos países conveniados acesse o link: https://www.correios.com.br/para-voce/correios-de-a-a-z/pdf/vale-postal-eletronico-internacional/PasesConveniados.pdf.

A pessoa que enviará o dinheiro deve comparecer a uma agencia dos Correios no exterior para realizar a operação e fornecer os dados necessários dos destinatários.

Sempre faça tudo da forma mais legal possível para evitar transtornos, sempre evite os mercados paralelos para a transferência de dinheiro. Pois estas não dão garantia de recebimento e nem de recebimento total da quantia.

Muitas vezes no paralelo o seu dinheiro pode ser misturado a outros recursos e a transação é feita sem registo para uma possível reclamação.

Procure sempre empresas idôneas e autorizadas pelo Banco Central no Brasil. As empresas e instituições autorizadas são periodicamente supervisionadas por autoridades e isso dá garantia que você não será passado para trás tão facilmente.


 
Veja também: