Tipos de indústrias: De base, intermediárias e de bens de consumo

O que é indústria e quais são os seus principais tipos de indústrias, como as de base, intermediárias, de bens de consumo e outras formas. Existiram quantas Revoluções Industriais? Vejam as respostas.

» Página Inicial

O conceito de Indústria envolve um modo de produção baseada na transformação de matéria-prima em um produto possível de ser comercializado. O processo industrial envolve a utilização de diversas forças, como a força humana, o maquinário e diversos tipos de energia (elétrica, mecânica, magnética, etc.).

Como ela surgiu?

Parque industrial

Desde o surgimento da civilização, onde o homem sentiu a necessidade de viver em comunidades, transformando o material que obtinham em utensílio e armas, também passaram a produzir objetos que supriam a necessidade deste grupo. Cerâmica, tecidos, objetos cortantes para uso agrícola eram transmitidos de pai para filho. Com o avanço da civilização, houve a necessidade de passar este conhecimento para um grupo maior de pessoas e suprir a demanda por estes. Este grupo social denominava-se artesãos. Já no fim da Idade Média, com o comércio aflorando nos portos, estes artesãos agrupavam-se em corporações, criando categorias como aprendizes, oficiais e mestres, dando início a produções maiores, porém ainda não muito significativa.

O surgimento das indústrias foi responsável por uma substancial mudança na Terra, na sociedade, na forma como as pessoas trabalham e consomem produtos em seu dia a dia. A Primeira Revolução Industrial aconteceu na última metade do Século XVIII e nos primeiros anos do Século XIX, na Inglaterra.

Existiram quantas Revoluções Industriais?

Revolução industrial

Os historiadores consideram o acontecimento de três Revoluções Industriais na humanidade. A já citada primeira foi baseada no uso de carvão, ferro e vapor. A segunda, por sua vez (por volta de 1860), introduziu e aperfeiçoou o emprego de produtos químicos e energia elétrica. A mais contemporânea e terceira (desde a década de 1970) é pautada pelo crescimento da informática.

Para alguns pesquisadores e estudiosos do desenvolvimento industrial, há uma reflexão referente à quarta revolução industrial, a do Conhecimento e da Comunicação; mas ainda é relativo e reflexível devido a terceira revolução. Para muitos, continuamos no desenvolvimento da informatização.

Existem indústrias para produzir quase tudo o que se consome hoje em dia, portanto, são inúmeras. No entanto, para facilitar a classificação, criaram-se algumas categorias para as indústrias, que são: base, intermediária e de consumo.

O que é indústria de base?

Uma indústria de base é aquela que é responsável pela fabricação e produção de matérias-primas para outras indústrias. Também chamadas de pesadas, as indústrias de base são principalmente utilizadas para a fabricação de siderurgia, produtos do petróleo, cimento e mineração.

O que são indústrias intermediárias?

Estas indústrias são responsáveis pela transformação das matérias-primas produzidas pela indústria de base em produtos que serão utilizados para a fabricação de bens de consumo. Por exemplo: a fabricação de máquinas, vidro, chapas de metal, concreto usinado e outros.

O que são indústrias de consumo?

São as indústrias que pegam tudo o que se produziu pelas indústrias intermediárias e fabricam objetos e mercadorias para o consumidor final. É o papel que vira livro, as chapas de metal que viram geladeira, ou o plástico que vira escova de dente, por exemplo.

O que são indústrias de ponta?

São aquelas cujo objetivo maior é desenvolver e produzir bens que utilizam alta tecnologia em suas fazes de produção. Realiza alto investimento em pesquisas e profissionais capacitados a inovação tecnológica. Tais indústrias possuem sua matriz em países desenvolvidos, em sua maioria. Seu segmento: fabricação de aviões, satélites de comunicação, computadores, equipamentos de diagnósticos médicos, telefonia e aparelhos de comunicação, etc.


 
Veja também: