O que é o Fundo Garantidor do FIES e simulador do financiamento?

Saiba neste artigo o que é Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo ou Fundo Garantidor, bem como a ferramenta de simulação de financiamento do FIES

» Página Inicial

Em meio à crise econômica que o país vem enfrentando, iniciar certos projetos tem se mostrado um tanto complicado.

Felizmente, podemos contar com algumas ajudas para colocar em prática estas metas e sonhos. É o caso de estudantes de baixa renda, por exemplo, que têm o auxílio do governo Federal, que ajuda a custear a tão sonhada universidade, através de programas de financiamento.

O FIES, programa existente desde 1999 vem ajudando milhares de estudantes. No então, o financiamento do Ministério da Educação possui algumas regras (como ter a apresentação de um fiador), que para uma pessoa mais desinformada, pode soar desanimador.

Se este é o seu caso, não se desanime. Saiba que hoje, é possível contratar o financiamento do FIES sem precisar apresentar o fiador.

Financiamento estudantil

Fundo garantidor

Você já ouviu falar do Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo (FGEDUC)? Também conhecido como Fundo Garantidor, o fundo é uma opção para os alunos de baixa renda, onde não é preciso ter um fiador.

Neste caso, se por ventura o universitário não efetuar o pagamento, o fundo arcará com o descumprimento dos acordos bancados sob esta fiança.

A mudança ocorreu no ano de 2010, desde então, os alunos que possuem a renda familiar mensal por indivíduo de um salário mínimo e meio não necessitam mais de fiadores para solicitar o FIES.

Esta medida também tornou-se válida para os estudantes matriculados nos cursos superiores de licenciatura e bolsistas do ProUni com desconto de 50%  da mensalidade, que escolherem por cadastramento no FIES no mesmo curso nas quais são favorecidos da bolsa.

Uma boa notícia é que se, em algum período após o momento da inscrição do financiamento (por exemplo, durante o aditamento), a renda familiar mensal sofreu um aumento, o estudante não perde o direito do Fundo Garantidor, pois a renda familiar mensal só é averiguada pela Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento no ato da inscrição do FIES.

O tipo de garantia não pode ser alterado depois que o acordo é rubricado.

Estudantes que se encontram com o nome sujo também podem aderir ao Fundo Garantidor, pois não é necessário apresentar idoneidade cadastral para realizar o acordo do FIES.

Também é válido informar que uma vez que o universitário já possui o contrato do FIES com outra modalidade de garantia, ela não poderá ser alterada.  Ou seja, ara recorrer ao Fundo Garantidor, o aluno precisa optar pelo fundo no momento da inscrição do FIES.

Mas fique atento (a): Só é possível fazer o requerimento por meio do FIES se o curso no qual você estiver interessado (a) tiver uma estimativa positiva, seguindo os discernimentos do MEC.

Vale averiguar se a instituição de ensino interessada também tornou-se uma parceira do projeto. Ou seja, a adesão das universidades participantes do FIES ao fundo Garantidor é voluntária.

Simulador de financiamento

A respeito do simulador de financiamento, ele é uma ferramenta online gratuita disponível no próprio site do FIES.

Com o simulador, o estudante pode calcular seu financiamento e descobrir quanto vai pagar. Através da ferramenta, é fácil saber os valores das prestações. No entanto, o aluno deve considerar as seguintes informações:

O simulador é de caráter ilustrativo e tem como finalidade a disponibilização de dados próximos a respeito da dívida, assim como a soma de expedientes a serem gastos por mês.

A simulação leva em consideração a data em que ela está sendo realizada com a data de assinatura do acordo.

E por fim, para um resultado verídico, depende muito do aluno, pois os preços das parcelas são calculados com base nas informações que o aluno fornece ao sistema.

Ao acessar a ferramenta online, o aluno deve preencher os seguintes dados: Semestre desejado, quantidade de semestres que o curso possui, número de semestres já finalizados, topo de estudante (se é bolsista ProUni 25%, bolsista ProUni 50% ou outros), financiamento solicitado (quantia que vai de 105 a 100%), valor da semestralidade e por fim, a data para o vencimento  (que pode ser os dias 5, 10, 15 e 20 de todo mês).

Para ter acesso à ferramenta e realizar a simulação de financiamento do FIES, é só clicar neste link.


 
Veja também: